Positivo do seu jeito

Estilo de Vida

Estudo mostra que celulares atuais não cabem mais em calças femininas

10 de setembro de 2018

por: MKT Positivo

Se você perguntar aos homens qual é o lugar preferido dele para carregar o celular, é bem provável que muitos responderão “o bolso da calça”. Porém, essa não é uma opção para as mulheres. Um estudo realizado pelo site Pudding mostrou que os celulares não cabem em calças femininas.

Segundo a publicação, além de o tamanho médio dos bolsos serem menores, muitas vezes os fabricantes optam por bolsos decorativos, os bolsos “falsos”. Assim, as mulheres ficam sem opção para guardar os seus objetos pessoais e precisam recorrer à bolsa para guardar todos os seus itens.

®FLICKR – LIZ WEST

A indústria das bolsas

Basta fazer uma pesquisa rápida em redes sociais como o Twitter para ver que o número de mulheres reclamando sobre o tamanho do bolso das calças femininas é pequeno. Há quem diga, inclusive, que parte disso é incentivado pela bilionária indústria das bolsas femininas, que somente nos EUA fatura US$ 8 bilhões por ano com esse acessório.

O site decidiu medir os bolsos das calças masculinas e femininas de 20 marcas de calças comercializadas nos EUA. O resultado do estudo serviu para quantificar aquilo que muitos já tinham percebido. Em geral, os bolsos das calças femininas são 48% menores e 6,5% mais estreitos do que os bolsos de calças masculinas.

Colocando em medidas, o tamanho médio do bolso das calças masculinas é de 23,1 cm de altura por 16,2 cm de largura. Enquanto isso, os bolsos de calças femininas têm em média 14,2 cm de altura e 15,2 cm de largura. Ou seja, eles não são apenas menores, eles são muito pequenos até mesmo para atividades simples do dia a dia.

Decorativos e pouco funcionais

Ok, você pode estar pensando que “isso você já sabia”. Porém, você já parou para pensar quantas coisas deixam de caber nos bolsos da calças femininas apenas pelo seu tamanho reduzido. O site comparou o tamanho médio dos bolsos com o tamanho de alguns objetos que são amplamente utilizados por homens e mulheres.

Comecemos pelo item mais simples de todos, as mãos. De acordo com o estudo, em 100% das calças masculinas é possível que os homens coloquem a mão inteira dentro do bolso. Porém, em apenas 10% das calças femininas é possível fazer isso. Fato similar ocorre com as carteiras. Em 100% dos bolsos masculinos elas cabem, enquanto apenas 40% das calças femininas estão preparadas para isso.

Se levarmos em consideração um dos itens mais essenciais nos dias de hoje, o smartphone, os modelos mais vendidos nos EUA cabem em pelo menos 85% das calças masculinas enquanto nas calças femininas esse índice não passa de 40% – e isso quando falamos dos aparelhos com tela menor, pois aqueles com tela maior praticamente não cabem de jeito nenhum.

A diferença entre os bolsos de calças masculinas e femininas é menor na parte traseira, porém esse bolso não é um lugar recomendado para deixar a sua carteira ou smartphone, pois os itens ficam mais expostos a eventuais perdas, quedas ou furtos.

Característica atravessa séculos

Os estudiosos de moda e história relatam que essa característica nunca mudou. Às roupas dos homens foram adicionados bolsos para que eles pudessem guardar itens. Enquanto isso, às mulheres coube o papel de continuar carregando seus itens de outras formas, como em pequenas caixas ou bolsas. Assim, o fascínio maior delas em relação aos homens por esses acessórios não é por acaso.

A publicação defende ainda que na luta por igualdade entre homens e mulheres, bolsos de calça de tamanho similar deveriam estar em pauta. Ocupar as mãos com um item que bem poderia estar acomodado no bolso continua sendo um problema para elas. Muitas vezes, a solução que elas encontram é a de pedir para que um homem carregue o objeto em questão no bolso dele, mas e quando elas estão sozinhas.

Certamente, vale a reflexão do porque essa característica permanece até os dias de hoje. E você já teve problemas em guardar seu celular no bolso pelo fato do espaço na calça ser muito pequeno?

Fonte: Buzzfeed, Pudding e Statista

CADASTRE-SE PARA FICAR POR
DENTRO DAS NOVIDADES DA POSITIVO.