Positivo do seu jeito

Dicas

5 coisas que você nunca deve fazer com o seu notebook

10 de Abril de 2019

por: MKT Positivo

A portabilidade dos notebooks permitiu aos usuários fazerem coisas que nunca antes haviam sido imaginadas, como se sentar no parque para digitar um texto. Porém, novos problemas também surgiram. Saber quais coisas não fazer no notebook pode garantir a ele uma vida mais longa.

Os cuidados devem ser constantes. Afinal, como qualquer outra máquina, ele está sujeito a superaquecimento ou a ter problemas por conta de simples trepidações. Até mesmo a maneira como você o transporta faz a diferença. Nesse artigo, listamos algumas dicas de como cuidar do seu aparelho e garantir uma vida útil maior para ele.

®GIPHY

1. Não transporte o notebook com ele ligado

Essa dica é ainda mais importante para aqueles que têm um notebook equipado apenas com HD. Nesse caso, os HDs tradicionais podem ter problemas por conta das trepidações, resultando no mau funcionamento dos discos. As falhas resultantes disso são variadas.

Por exemplo, pode haver erros na gravação de dados, falhas no sistema operacional ou até a corrupção de arquivos. As chances de que isso ocorra são mais remotas em máquinas equipadas com SSD. Portanto, a dica é : desligue o notebook completamente antes de transportá-lo.

2. Não utilize uma fonte que não seja a original

Alguns modelos de notebook têm conectores que são idênticos entre si, seja da mesma marca ou de marcas diferentes. É um grande erro utilizar uma fonte que não seja a original do seu aparelho. Isso porque, embora os conectores possam ser os mesmos, a voltagem de alimentação pode não ser a mesma.

Portanto, seja ela mais baixa ou mais alta, isso pode danificar a bateria no médio e longo prazo. Se a fonte não é original ou não tiver sido indicada pelo fabricante, evite a utilização a todo custo. Uma boa parte dos problemas causados às máquinas são decorrentes da má alimentação de energia.

3. Não obstrua as saídas de ar

Esse é um dos problemas mais recorrentes em notebooks e que causa superaquecimento nas máquinas. As saídas de ar dos notebook e ultrabooks é um aspecto essencial do design e elas não devem ser obstruídas de forma alguma. Quando projetados, os computadores são imaginados para serem utilizados sobre uma mesa ou superfície plana.

Quando deixamos o notebook no colo ou ainda sobre a cama, a irregularidade da superfície faz com que as saídas de ar sejam parcialmente obstruídas e, com isso, o calor não é dissipado. O uso contínuo do computador em situações como essas pode prejudicar o desempenho e até mesmo resultar na queima de algum componente.

4. Deixe o notebook longe do Sol

O calor excessivo é um inimigo de qualquer eletrônico e não é diferente com os notebooks. Em hipótese alguma eles devem ficar – ligados ou desligados – sob o sol intenso. Em médio e longo prazo, a exposição ao calor excessivo pode resultar em danos irreversíveis.

A recomendação é a de que você utilize o notebook sempre em um local limpo e arejado. Lembre-se: em funcionamento, o aparelho já produz calor. Quando esse calor se soma à temperatura externa, a temperatura pode ultrapassar os limiares considerados seguros pelo fabricante.

5. Não deixe a tela pressionada

Em algumas situações, especialmente na hora de guardar o notebook, deve-se evitar a todo custo deixar muitos pesos sobre ele ou itens que façam pressão contra a tela. Além de marcar a estrutura em termos de design, a pressão contínua na tela pode resultar em manchas no monitor e problemas de funcionamento.

O painel de um notebook é um dos componentes mais sensíveis de toda a máquina. Até mesmo capas para teclado, quando deixadas sobre as teclas com o aparelho fechado, podem deixar marcas permanentes na tela. A orientação nesse caso é seguir as instruções do fabricante e evitar deixar itens entre a tela e as teclas quando o produto não está em uso.

CADASTRE-SE PARA FICAR POR
DENTRO DAS NOVIDADES DA POSITIVO.