O que é e o que faz a placa-mãe de um computador?

Para que um computador funcione corretamente, ele precisa de diversos componentes: memórias, HD, fonte de energia, processador e cooler são apenas alguns deles. Isoladamente eles não teriam como fazer nada. Cabe à placa-mãe servir como o elemento que une todos eles.

Nesse artigo, vamos compreender qual é o papel da placa-mãe em um PC e por quais motivos máquina nenhuma funcionaria se elas não estivessem presentes. Por essa razão, conhecer alguns detalhes técnicos sobre elas ajuda bastante na hora de escolher qual é o melhor modelo na hora da compra.

o que faz placa mãe computador

®GIPHY

O que é e para que serve a placa-mãe?

A placa-mãe nada mais é do que uma central de comunicação. É nela que são conectados todos os componentes do PC necessários para que uma máquina funcione. Os pentes de memória, a placa de vídeo, a fonte de energia, o processador, o HD, o SSD e as placas de rede, todos têm o seu lugar definido para se conectarem à placa-mãe.

Dessa forma, essa placa de circuitos, quando energizada, permite a troca de informações entre todos os componentes. Essas informações são lidas e unificadas pelo sistema operacional, que gerencia todas as peças de hardware, permitindo que o computador funcione da maneira que conhecemos bem.

Embora muitos usuários deem mais valor ao processador ou à quantidade de memória RAM de uma máquina, é a partir da placa-mãe que todos os PCs são construídos. Placas-mãe mais simples, por exemplo, podem contar com menos slots para receber componentes ou podem ter limitações com relação à quantidade de energia suportada.

Aquele que planeja montar um PC tradicional, que será utilizado para tarefas mais simples, pode recorrer a placas-mãe mais baratas e com menos recursos. Já aquele que pretende montar um PC gamer potente terá que recorrer a modelos de placa-mãe mais robustos, que suportem mais componentes e sejam compatíveis com GPUs e memórias mais recentes.

O que você precisa saber sobre uma placa-mãe?

Quando você vai comprar uma placa-mãe de forma avulsa para montar um PC, é fundamental que você conheça algumas especificações técnicas. O primeiro item a se observar é o chipset. É ele quem vai dizer quais são os processadores compatíveis com a placa-mãe. Se a placa em questão é compatível com processadores Intel, por exemplo, de nada vai adiantar comprar uma CPU AMD.

A partir do chipset descobre-se ainda qual é o tipo de soquete da placa-mãe. Isso também é determinante para descobrir quais tipos de memória são compatíveis, quantas portas USB a placa oferece e assim por diante. Essas limitações devem ser levadas em consideração, pois caso contrário você terá componentes incompatíveis.

Um grande exemplo disso são as memórias RAM. Você pode comprar uma placa-mãe que seja compatível com 16 GB (subdivididos em dois pentes de 8 GB). Caso tenha vontade de fazer um upgrade de memória (colocar dois pentes de 16 GB, por exemplo), não será possível, pois a placa só reconhecerá um máximo de 16 GB.

Placas-mãe voltada para gamers e overclockers são pensadas para suportar hardware de ponta. Assim, elas são construídas de forma a resistirem uma sobrealimentação de energia ou temperaturas mais altas. Para isso, elas utilizam capacitores mais resistentes, com materiais de melhor qualidade que, é claro, custam mais caro.

Ao comprar um notebook, essa preocupação é menor, pois geralmente a máquina já conta com componentes compatíveis para que tudo funcione perfeitamente. Porém, no caso dos desktops, é comum que as peças sejam substituídas com o passar do tempo, seja por desgaste ou upgrade.

Nesses casos, observar quais são as características e as limitações da placa-mãe é essencial. Uma boa placa-mãe pode permitir que você faça um ou dois upgrades sem precisar trocar esse componente.

Fonte(s): Digital Trends, Computer Hope

VOCÊ TAMBÈM PODE GOSTAR
Bateria carregada em 3D.

Indicador de saúde da bateria pode chegar ao Android

Mulher contando segredo sobre os mitos da tecnolgia que todo mundo já caiu.

6 mitos sobre tecnologia que muita gente já caiu

Logo do Google Gemini.

Gemini: o que é e como usar a IA do Google

Teclado de um notebook em 3D com uma tecla com um ponto de interrogação, expressando a dúvida entre instalar Linux ou Windows.

Linux ou Windows: compare os recursos dos sistemas para PC

Crianças em uma sala de aula moderna e usando tecnologia.

Como a tecnologia melhora o processo de aprendizagem escolar?

Satélites em órbita ao redor da Terra.

Primeiros satélites que fornecem rede a celulares são lançados pela Starlink

Inscreva-se na nossa

Newsletter


    Ao clicar em “enviar” a Positivo Tecnologia tratará os seus dados de acordo com a Política de Privacidade e Cookies.