Positivo do seu jeito

Tendências

® Shutterstock

Projeto de internet 5G já está sendo discutido no Brasil. Conheça as diferenças e características da rede.

Apesar da previsão para o início da implantação das redes 5G ser somente em 2020, os projetos já começaram a ser discutidos pelos órgãos responsáveis pelos sistemas de telecomunicações .

29 de novembro de 2017

por: Karola Furutani

Hoje em dia estar o tempo todo conectado à internet não é mais uma opção, é uma necessidade. Já parou para pensar que sem internet os nossos smartphones, computadores e demais aparelhos perdem grande parte da sua utilidade? E que sem as funcionalidades que estamos acostumados, como Whatsapp, aplicativos e redes sociais, nós ficamos completamente perdidos e sem saber o que fazer?

5G
® GIPHY

O fato é que estar sempre conectado pode ser um grande desafio no nosso país, uma vez que, em algumas regiões, a cobertura das redes de internet móvel ainda são muito limitadas ou inexistentes. É o caso da rede 4G que, segundo uma pesquisa realizada pela Telebrasil [http://www.telebrasil.org.br/sala-de-imprensa/releases/8187-em-novembro-de-2016-4g-chega-a-mais-de-1-1-mil-municipios] no início deste ano, está presente em somente 20,78% dos municípios brasileiros.

5G
® GIPHY

O 4G e o 3G são as duas redes de internet móvel mais utilizadas no Brasil, sendo que o 3G representa a terceira geração e o 4G a quarta, ou seja, a última geração. Para entender mais sobre redes de internet móvel clique aqui.

5G
® GIPHY

A quinta geração da internet móvel (5G) ainda não está disponível mundialmente, porém alguns países já começaram a se planejar e discutir projetos para implantação. Um deles é o Brasil, que no início do ano se reuniu com os principais representantes e empresas da área para lançar o “Projeto 5G Brasil”, que visa analisar propostas para o desenvolvimento de infraestruturas compatíveis com esta nova geração de internet móvel, além de incluir o país nas discussões internacionais sobre o tema.

Mas afinal, o que o 5G tem de diferente do 4G? Bem, a principal diferença é a velocidade. A internet móvel de quinta geração será muito mais rápida, cerca de 20 Gbps de tráfego de download e 10 Gbps de upload por área, enquanto o 4G tem picos de apenas 1 Gbps. Vale lembrar que esta velocidade será dividida de acordo com a quantidade de pessoas utilizando em determinada distância.

5G
® GIPHY

Outra diferença diz respeito à capacidade da internet 5G: as especificações determinam que ela deve suportar 1 milhão de dispositivos conectados por km². Olhando para a nossa realidade atual parece ser muito, porém este número já é considerando um futuro onde computadores, tablets e smartphones irão dividir a internet com eletrodomésticos, automóveis, casas e etc.

® Shutterstock

A internet 5G também irá trazer mudanças na velocidade de resposta e na mobilidade. Por exemplo, hoje ao acessar algum site ou app no 4G, o tempo de resposta é de aproximadamente 50 milissegundos. Com o 5G será possível reduzir esse número para 1 milissegundo. Quanto à mobilidade, a quinta geração da internet móvel irá garantir qualidade de conexão mesmo quando estivermos em altíssimas velocidades, como em um trem ou carro.

Vale ressaltar que, enquanto a internet já 5G está sendo testada em alguns países, no Brasil este processo irá demorar um pouco mais por conta das regulamentações necessárias para implementação.

Nós já estamos ansiosos, e você?