Positivo do seu jeito

Dicas

Segurança: aprenda como proteger a sua SmartTV de hackers

28 de Abril de 2018

por: MKT Positivo

No mundo moderno, cada vez mais os eletrônicos estarão conectados à internet. Com os benefícios que isso traz, há também os riscos associados à segurança. Assim, saber como proteger a sua SmartTV de hackers passa a ser mais uma precaução que você deve tomar.

Felizmente, os perigos ainda são muito menores do que no caso dos smartphone ou dos PCs. Por conta disso, os cuidados que você deve tomar também são muito mais simples e isso não vai ocupar muito do seu tempo. Nesse artigo, listamos cinco dicas de segurança importantes para você proteger os seus eletrônicos:

®GIPHY

1. Ative as atualizações automáticas

As atualizações de software não existem por acaso. Elas servem não apenas para incluir novas funções ou corrigir erros de funcionamento de um sistema, mas também para fechar eventuais brechas que possam ser utilizadas por pessoas mal-intencionadas.

Na sua SmartTV, ative a opção de atualizar automaticamente o firmware. Assim, sempre que houver um novo pacote de atualização, o sistema se encarregará de baixá-lo e instalá-lo imediatamente, evitando que você fique exposto mais tempo às eventuais falhas de segurança.

2. Evite conectar a TV em redes desconhecidas

Sabe aquela preocupação que você deve ter com o seu smartphone ou notebook, evitando a conexão em redes desconhecidas? Pois ela também deve ser observada no caso das SmartTVs. Claro, sabemos que as TVs não são objetos tão portáteis quanto os demais, mas elas também armazenam dados e ainda assim nunca é demais garantir.

Embora o número ainda seja menor, é possível fazer transações financeiras usando o navegador da TV e alguns aplicativos podem requerer usuário e senha, como o Netflix e o YouTube. Se essas informações forem interceptadas e caírem em mãos erradas, isso pode trazer problemas para você.

3. Verifique a segurança do roteador

Muitas vezes, os usuários se preocupam com a segurança dos dispositivos principais, mas se esquecem daquele que é o responsável por distribuir a internet pela casa. Os roteadores são a porta de entrada para muitos hackers, pois diversas pessoas esquecem de atualizá-lo.

Se o seu roteador é mais antigo, nós recomendamos um modelo compatível com o protocolo WPA2. Trata-se de um recurso que oferece proteção reforçada e deixa o aparelho menos susceptível à encriptação do tipo WEP.

4. Cuidado com dispositivos removíveis

Em algumas situações, a ameaça pode vir de dispositivos externos à sua TV. Assim, redobre a atenção ao conectar pendrives e HDs externos à sua TV, pois muitas vezes eles podem conter arquivos infestados com vírus ou malwares.

Se você não sabe a procedência desses dispositivos, nós recomendamos que você os conecte primeiro a um PC e cheque as unidades com um programa antivírus. Ele vai indicar se está tudo limpo para seguir adiante. Trata-se de uma precaução que você deve adotar sempre que o dispositivo em questão não for seu ou tiver passado na mão de outras pessoas.

5. Não clique em links suspeitos

Essa característica é menos comum de acontecer em SmartTVs, mas é uma brecha que pode ser explorada da mesma forma que acontece nos smartphones e nos PCs. Evite clicar em links recebidos cuja procedência seja duvidosa.

Muitas vezes, os hackers tentam se passar por lojas ou empresas sérias e oferecem algum tipo de “benefício” para quem clicar em um link. Porém, ele esconde um atalho para instalação de aplicativos maliciosos ou mesmo para monitorar dados digitados. Evite-os a todo custo quando utilizar o navegador da TV.

CADASTRE-SE PARA FICAR POR
DENTRO DAS NOVIDADES DA POSITIVO.