Como ativar o novo visualizador de PDF do Google Chrome?

Na última semana o Google anunciou a chegada da versão 87 do navegador Google Chrome. Entre as novidades apresentadas no browser, uma delas chamou a atenção do público: um novo visualizador de PDF.

Segundo os desenvolvedores, a ideia foi oferecer um leitor com recursos mais avançados, permitindo acesso às miniaturas das páginas, divisão por seções entre outros recursos. Contudo, as novidades não foram habilitadas por padrão. O usuário precisa acessar o Chrome Flags se tiver interesse em testar essa prévia.

Nesse artigo, explicamos em detalhes o passo a passo de como fazer isso.

Como ativar o novo visualizador de PDF do Google Chrome?

Antes de tudo, é importante ressaltar que você precisa ter acesso à versão 87 do Google Chrome. Para checar se o seu navegador já foi atualizado, clique no ícone de menu, no canto superior direito da tela, e escolha a opção “Ajuda”.

Em seguida, clique em “Acerca do Google Chrome” e aguarde. Se houver uma atualização disponível ela será carregada automaticamente assim que você reiniciar o navegador.

Passo 1. No PC, atualize o Google Chrome, conforme descrevemos acima.

Passo 2. Digite na barra de endereços o seguinte: chrome://flags e tecle “Enter”.

Passo 3. No campo de buscas, pesquise por “PDF Viewer Update”.

Passo 4. Quando a opção for listada, altere-a de “Default” para “Enabled”.

Passo 5. Reinicie o navegador para que o novo recurso seja aplicado.

Novidades do Chrome 87: foco em melhorias no desempenho

De acordo com o Google, as principais mudanças incorporadas à versão 87 do Google Chrome têm relação direta com melhorias de desempenho. Por exemplo, a empresa garante que a partir de agora será possível iniciar o browser com 25% mais de rapidez, além de carregar as páginas com 7% a mais de velocidade.

Isso é possível graças a um sistema que prioriza as abas ativas, deixando as que estão em segundo plano “inativas” até que alguma ação seja solicitada. Com isso, a empresa espera minimizar um problema clássico do navegador que sempre é mencionado pelos usuários: o alto consumo de processamento.

Para se ter uma ideia, o Google promete a redução de até cinco vezes o uso de CPU, o que pode impactar em uma extensão no desempenho da bateria para até 1,25 horas, dependendo da capacidade nominal de mAh do seu notebook. Os números colocam a atualização como a mais benéfica do browser nos últimos anos.

Outros recursos adicionados nesta versão incluem a possibilidade de pesquisar por abas abertas ou ainda de usar a barra de endereços para executar determinadas ações. Por exemplo, a partir de agora é possível excluir o histórico de navegação por ali, sem precisar recorrer aos menus.

Por fim, o Google informa ainda que a atualização traz pelo menos 33 correções de segurança, sem mencionar exatamente quais. As novidades foram incorporadas tanto nas versões para Windows e Linux, quanto na versão mobile para Android. Esta é a última atualização do Chrome em 2020.

VOCÊ TAMBÈM PODE GOSTAR
Robôzinho fofo tirando foto com uma câmera antiga.

10 melhores aplicativos para editar fotos com inteligência artificial

Filme sendo exibido em uma TV que está espelhando um notebook.

Como espelhar notebook na TV?

Conceito de tecnologia e sustentabilidade da empresa Positivo com mãos segurando um planeta terra formado por circuitos eletrônicos.

Saiba como a Positivo alia tecnologia e sustentabilidade

Homem que trabalha com TI sentado diante de sua mesa com 3 monitores exibindo linhas de código de programação.

Como iniciar uma carreira em TI?

Homem e robô em uma cafeteria. O robô está mexendo no celular do homem para aumentar sua produtividade.

Como usar a IA para melhorar a produtividade?

Mulher assistindo os lançamentos da Netflix de junho de 2024 enquanto come pipoca.

Confira os principais lançamentos da Netflix para Junho de 2024

Inscreva-se na nossa

Newsletter


    Ao clicar em “enviar” a Positivo Tecnologia tratará os seus dados de acordo com a Política de Privacidade e Cookies.