Positivo do seu jeito

Positivo do seu jeito

Positivo do seu jeito

celular-com-whatsapp-aberto-em-cima-da-mesa

WhatsApp: conheça os novos recursos de Comunidades

O WhatsApp anunciou no final de abril deste ano uma série de novidades que devem chegar em breve no mensageiro. Entre elas, está o Comunidades, nova ferramenta que promete potencializar o uso de grupos no aplicativo.

Já desejou dizer ou perguntar algo para somente algumas pessoas que estão em um grupo? O Comunidades serve para isso. Com esse recurso, será possível criar subgrupos dentro de um grupo principal (comunidade), definindo para quais pessoas uma determinada mensagem deve ser enviada.

gif-homem-mandando-mensagem-em-grupo-de-whatsapp

O Comunidades promete ser um grande facilitador, especialmente para gestores de grandes equipes, empresas e escolas. Pensando nisso, criamos este artigo para explicar como essa ferramenta funciona e quando ela deve chegar no Brasil.

Como serão as comunidades do Instagram?

Como mencionado anteriormente, o Comunidades permitirá que sejam criados subgrupos dentro de um grupo principal. A ideia é que sejam criadas comunidades sobre um tema contendo grupos para se tratar de assuntos específicos sobre este tema.

Por exemplo, uma empresa pode incluir todo o seu quadro de funcionários em uma única comunidade, conseguindo com isso centralizar e facilitar o envio de informações importantes. Dentro dessa comunidade, podem ser criados grupos específicos para cada departamento, como o “Financeiro”, “Marketing”, “RH” e etc.

Os usuários inseridos em uma comunidade poderão ver quais os subgrupos disponíveis, solicitando sua entrada naqueles que possuem interesse. Os administradores desses grupos, por sua vez, podem adicionar ou excluir usuários.

Para evitar que a comunidade como um todo seja tomada por um fluxo intenso de mensagens e ruídos, somente os administradores poderão enviar mensagens para todos os seus membros. Isso é feito pensando especialmente no meio corporativo. Dessa forma, o fluxo de conversas é focalizado em cada subgrupo, com somente os líderes e gestores da empresa tendo o poder de enviar mensagens que devem chegar a todos os funcionários.

mulher-usando-whatsapp

Assim como ocorre com os grupos atuais do WhatsApp, cada usuário terá a liberdade de sair de um subgrupo ou comunidade que foi adicionado quando bem entender, além de poder reportar para a plataforma membros ou mensagens que sejam abusivas e/ou violem a política de regras do mensageiro.

No entanto, as mensagens feitas em uma comunidade só poderão ser encaminhadas para um grupo de cada vez,e não para até cinco grupos ou contatos, como ocorre hoje.  Além disso, ao ser adicionado em uma comunidade, somente os administradores e os membros que fazem parte dos mesmos grupos que você faz parte poderão ver o seu número de telefone e demais dados.

Isso foi feito visando dar mais segurança e privacidade para os usuários, pois tudo indica que será possível criar comunidades com centenas de usuários. Nesse sentido, ainda não se sabe se haverá um limite de número de participantes que uma comunidade e seus respectivos grupos podem ter. Lembrando que atualmente um grupo de WhatsApp pode ter no máximo 256 membros.

Demais novidades do WhatsApp

O Comunidades não é a única novidade que vai chegar em breve no WhatsApp. A Meta (ex Facebook), empresa responsável pelo mensageiro, anunciou outros recursos que serão implementados. Um deles é o Reações, que permite que usuários emitam opiniões sobre uma mensagem sem necessariamente respondê-las, usando emojis para isso – função que já está em vigor.

Outra mudança está no limite do tamanho de arquivos que podem ser compartilhados no mensageiro. Este limite, que atualmente é de 16MB, será de 2GB. Outro upgrade está no número de usuários que podem participar de uma chamada de voz, que subirá para 32 – algo que pode facilitar a vida de líderes de grandes equipes.

Quando o Comunidades chega ao Brasil?

Ao que tudo indica, o Comunidades e demais novidades do WhatsApp devem chegar em breve para os usuários do mensageiro. Porém, elas irão demorar um pouco mais para serem implementadas por aqui.

Isso porque a Meta optou por não realizar muitas mudanças no seu aplicativo antes do período de eleições do país, devido a toda a polêmica que tem sido debatida sobre como a disseminação de fake news em aplicativos de mensagens podem influenciar nos resultados das eleições.

Dessa forma, tudo indica que esses recursos serão implementados somente em outubro deste ano, após as eleições. Enquanto as mudanças não chegam, você pode dar uma olhada no nosso blog e contar com dicas e tutoriais incríveis que podem melhorar a sua experiência ao usar o WhatsApp. Clique aqui e aproveite!

Fonte(s):

TechTudo.

VOCÊ TAMBÈM PODE GOSTAR
lancamentos-netflix-junho-2022

Veja os principais lançamentos da Netflix para junho de 2022

celular com logo do corinthians em cima da mesa

Universo SCCP: conheça o novo app oficial do Corinthians com benefícios para torcedores

menina gamer gravando tela do pc

Windows 11: como gravar a tela do PC de forma simples

lupa apontando para o logo do google representando pesquisa

Você poderá fazer buscas no Google de coisas que não sabe como descrever

planeta AB Aur B

Exoplaneta 9 vezes maior do que Júpiter é descoberto

mulher-sentada-em-escada-usando-wifi-nos-postes

Rio de Janeiro terá postes com Wi-Fi 6E

Inscreva-se na nossa

Newsletter