Como otimizar pendrives USB para obter melhor desempenho no Windows 10

Desde que lançou uma atualização em outubro de 2018, o Windows 10 modificou a forma padrão como o sistema operacional interage com dispositivos USB. Até então, o padrão era “melhor performance”, mas isso mudou para “mais segurança”.

A ideia é simples: de acordo com as pesquisas realizadas pela Microsoft, a maioria dos usuários prefere remover os pendrives sem precisar seguir o passo a passo para “remoção com segurança”, abrindo mão até mesmo de parte do desempenho de leitura de gravação.

O que mudou nas políticas da Microsoft?

Por padrão, o Windows 10 reduziu a velocidade de leitura e gravação dos dispositivos USB no Windows 10. Essa redução não é significativa a ponto de o usuário perceber de forma nítida o que aconteceu. Entretanto, se alguns segundos importam para você, é possível mudar o padrão.

A redução da velocidade se deu para que fosse possível deixar habilitado por padrão uma função que reduz as chances de corrompimento dos dados ao remover um pendrive de forma abrupta. Ou seja, se você preferir continuar com mais velocidade, então terá sempre que “remover com segurança” os dispositivos, para minimizar as chances de perda de dados.

Se você prefere a segurança, então não precisa fazer nada: esse é o padrão do Windows 10. Agora, se você quer a velocidade nas transferências de volta, então siga o passo a passo abaixo para fazer com que o sistema volte ao padrão anterior.

Como otimizar pendrives USB

Se você concluiu que deseja habilitar a opção de melhor desempenho, então fique ciente de que você terá que fazer isso para cada pendrive que for conectado ao seu computador. Porém, se preciso fazer isso uma vez só para cada dispositivo removível.

Passo 1. Conecte o dispositivo removível USB ao computador.

Passo 2. Clique sobre o botão Iniciar com o botão direito do mouse. Escolha a opção “Gerenciador de Disco”.

Passo 3. Na tela de “Gerenciamento de Disco”, localize o nome do dispositivo e clique sobre ele com o botão direito do mouse.

Passo 4. Escolha a opção “Políticas” e ative a alternativa “Melhor performance”. Em “Write-caching policy”, marque a opção “Enable write caching on the device”. Clique em “Ok”.

Vale a pena fazer essa mudança?

Não há uma resposta geral para essa pergunta, pois tudo depende do seu perfil de usuário. A possibilidade de tirar um pendrive do PC sem precisar habilitar a opção “remover com segurança” é, sem dúvida, mais prática. Porém, se você for cuidadoso e utilizá-la sempre, voltar para a alternativa de mais velocidade poderá ser uma boa ideia.

Vale lembrar que na prática a diferença é praticamente imperceptível. Ou seja, a menos que o seu trabalho seja gravar muitos conteúdos em pendrives todos os dias, dificilmente você ganhará tempo suficiente para justificar essa troca. Portanto, nesse caso trata-se mesmo de uma questão de gosto pessoal.

VOCÊ TAMBÈM PODE GOSTAR
Robôzinho fofo tirando foto com uma câmera antiga.

10 melhores aplicativos para editar fotos com inteligência artificial

Filme sendo exibido em uma TV que está espelhando um notebook.

Como espelhar notebook na TV?

Conceito de tecnologia e sustentabilidade da empresa Positivo com mãos segurando um planeta terra formado por circuitos eletrônicos.

Saiba como a Positivo alia tecnologia e sustentabilidade

Homem que trabalha com TI sentado diante de sua mesa com 3 monitores exibindo linhas de código de programação.

Como iniciar uma carreira em TI?

Homem e robô em uma cafeteria. O robô está mexendo no celular do homem para aumentar sua produtividade.

Como usar a IA para melhorar a produtividade?

Mulher assistindo os lançamentos da Netflix de junho de 2024 enquanto come pipoca.

Confira os principais lançamentos da Netflix para Junho de 2024

Inscreva-se na nossa

Newsletter


    Ao clicar em “enviar” a Positivo Tecnologia tratará os seus dados de acordo com a Política de Privacidade e Cookies.