Como usar o Pix para pagar viagens de Uber e pedidos no Uber Eats

Desde a primeira quinzena de novembro já está em vigor no Brasil o sistema de pagamentos Pix. A novidade promete agilizar as transações bancárias, permitindo que pagamentos e transferências digitais sejam concretizadas em tempo real.

Nesse primeiro momento, cabe aos lojistas e serviços online encontrarem formas de se adaptarem para receber via Pix. É o caso do Uber, que anunciou no último dia 16 de novembro que tanto o Uber quanto o Uber Eats já são compatíveis com essa novidade.

Nesse artigo, explicaremos como você pode fazer isso nesses dois serviços, desde que já tenha cadastrado uma chave Pix na instituição financeira na qual você tem conta. Em um artigo anterior, explicamos em detalhes o que é e como funciona o Pix.

Como pagar o Uber ou Uber Eats com o Pix

O passo a passo que listaremos abaixo é válido para os dois aplicativos da empresa: Uber e Uber Eats. Portanto, o único pré-requisito que você precisa ter é o cadastro no Pix junto ao seu banco ou a um sistema de carteira digital.

Passo 1. Abra aplicativo Uber ou Uber Eats.

Passo 2. No Uber, toque na opção para abrir o menu lateral. No Uber Eats, toque em “Conta”.

Passo 3. Escolha a opção “Pagamento”. Em seguida, toque em “Pix é o nome de um sistema bancário no Brasil”.

Passo 4. Depois, vá em “Adicionar saldo”.

Passo 5. Escolha o valor e toque em “Confirmar”. São três as opções possíveis: R$ 50, R$ 100 e R$ 200.

Passo 6. Na tela seguinte, digite seu nome completo e número do CPF. Aceite os termos do serviço e escolha “Prosseguir”.

Passo 7. Um código Pix será gerado. Copie e cole no app do seu banco ou da carteira digital que você utiliza. Na prática, é como se você tivesse gerado um boleto, mas a diferença é que o pagamento é confirmado imediatamente.

Função inicialmente estará disponível em formato de “boleto”

Se você pensou que poderia pagar individualmente suas corridas no Uber ou pedidos no Uber Eats utilizando o Pix, então terá que esperar mais um pouco. O serviço foi rápido para implantar uma solução compatível com o Pix, mas ela ainda será aprimorada nas próximas semanas.

Por isso, a maneira mais simples encontrada foi uma espécie de compra de créditos. Segundo os desenvolvedores, mais recursos serão melhorados e liberados nas próximas semanas, mas ainda não há uma data prevista para a conclusão desse trabalho.

Porém, para quem utiliza esses apps com frequência, pode ser uma boa ideia ter créditos em “cash virtual” como forma de ter um controle maior sobre o volume de gastos. Além disso, essa é uma ótima alternativa para quem já faz compras com boletos: a vantagem é que não há necessidade de esperar compensação, inclusive em finais de semana e feriados.

VOCÊ TAMBÈM PODE GOSTAR
Bateria carregada em 3D.

Indicador de saúde da bateria pode chegar ao Android

Mulher contando segredo sobre os mitos da tecnolgia que todo mundo já caiu.

6 mitos sobre tecnologia que muita gente já caiu

Logo do Google Gemini.

Gemini: o que é e como usar a IA do Google

Teclado de um notebook em 3D com uma tecla com um ponto de interrogação, expressando a dúvida entre instalar Linux ou Windows.

Linux ou Windows: compare os recursos dos sistemas para PC

Crianças em uma sala de aula moderna e usando tecnologia.

Como a tecnologia melhora o processo de aprendizagem escolar?

Satélites em órbita ao redor da Terra.

Primeiros satélites que fornecem rede a celulares são lançados pela Starlink

Inscreva-se na nossa

Newsletter


    Ao clicar em “enviar” a Positivo Tecnologia tratará os seus dados de acordo com a Política de Privacidade e Cookies.