Positivo do seu jeito

Positivo do seu jeito

Positivo do seu jeito

Shorts: como funciona o novo app do YouTube concorrente do TikTok

A briga entre aplicativos de vídeos curtos promete fica ainda mais acirrada em breve. O sucesso do TikTok fez com que apps como o Instagram se movimentassem para criar recursos similares para os usuários. Agora, parece ser a vez do Google entrar na briga por uma parcela do público.

A empresa está lançando na Índia, em caráter experimental, um app chamado YouTube Shorts. A ideia é similar ao que concorrentes como TikTok, Snapchat e Instagram já fazem: permitir que o usuário grave vídeos verticais de até 15 segundos e compartilhe o conteúdo.

YouTube Shorts: o que é e como funciona

Não há muitos segredos para explicar o que é o YouTube Shorts. Ele conta com ferramentas similares às dos seus principais concorrentes e permite que os usuários gravem vídeos curtos e adicionem efeitos especiais e trilhas sonoras a partir de uma biblioteca gratuita disponibilizada. É possível ainda controlar a velocidade do vídeo ou utilizar um temporizador para manter as mãos livres.

youtube shorts

Inicialmente, o Google optou por lançar o app apenas para Android e na Índia. A ideia é se aproveitar da lacuna que foi deixada pelo TikTok, que foi banido recentemente no país. Como a Índia é considerado um mercado muito similar ao brasileiro, é bem provável que se o aplicativo der certo por lá o Brasil seja um dos próximos a receber a novidade.

Um sinal de “+” será o principal ponto de controle na tela. Basta que os usuários toquem nele ou o mantenham pressionado para gravar vídeos. Depois, basta acessar o menu de configurações para editar o conteúdo, adicionando efeitos e músicas antes da publicação. Será possível ainda importar vídeos já salvos na galeria.

Experiência de uso não traz grandes novidades

Os primeiros testes do YouTube Shorts tiveram início no mês de junho, com um grupo restrito de usuários, mas só agora foram divulgados pelo Google. O sistema de navegação entre os conteúdos é similar ao existente em outros serviços. Ou seja, basta deslizar os dedos na vertical para encontrar novos conteúdos.

Os vídeos publicados podem ser marcados com hashtags. Em um primeiro momento, o Google planeja exibir parte desse conteúdo no YouTube, como forma de ampliar o alcance da plataforma. Porém, a exemplo do app em si, esse conteúdo só poderá ser visualizado em contas de usuários da Índia.

A expectativa da empresa com relação às possibilidades do novo app são as mais positivas possíveis. Todos os meses, cerca de 2 bilhões de usuários vêm ao YouTube para visualizar conteúdos dos mais diversos temas. A proposta é que o Shorts adicione a esses usuários um novo formato, já consagrado em outras plataformas, mas ainda em segundo plano nos serviços da empresa.

Não há informações sobre até quando irão os testes na Índia ou quando outros países receberão o Shorts. Porém, é bem provável que nos próximos doze meses tenhamos novidades sobre ele no Brasil ao menos em termos de testes, se tudo correr bem até lá.

VOCÊ TAMBÈM PODE GOSTAR
É hora de repensar o aprendizado

É hora de repensar o aprendizado

lancamentos-netflix-janeiro-2022

Veja os principais lançamentos da Netflix para janeiro de 2022

O mercado de Instituições Públicas potencializa os negócios de empresas de tecnologia

lancamentos-netflix-dezembro-2021

Veja os principais lançamentos da Netflix para dezembro de 2021

instagram-como-baixar-stories

Instagram: como baixar Stories de outras pessoas no PC

atalhos-windows-11

Windows 11: todos atalhos do teclado que você precisa conhecer

Inscreva-se na nossa

Newsletter