Positivo do seu jeito

Positivo do seu jeito

Positivo do seu jeito

celular com o aplicativo do Spotify aberto

Como funciona a contagem de streaming no Spotify

Se você acompanha um cantor ou banda, já deve ter visto notícias referentes ao número de streamings (reproduções) que esse respectivo artista ou grupo conseguiu atingir no Spotify. Maior serviço de streaming de músicas e podcasts do mundo, com mais de 400 milhões de usuários, essa plataforma tem impactado profundamente o mercado da música e demais conteúdos em áudio.

Vale lembrar que os artistas que conseguem bons resultados na plataforma são remunerados justamente pela quantidade de reproduções de seus conteúdos. Mas como isso funciona? Um simples clique numa faixa musical já conta como uma reprodução ou somente musicais e demais conteúdos que são ouvidos até o final são inseridos na contagem de streaming de um artista?

filhotinhos com vários pontos de interrogação em volta de suas cabeças

Saber sobre essas regras é importante para produtores e músicos que desejam expor suas produções, pois é através da contagem de streaming que a plataforma não apenas remunera os artistas, mas também impulsiona os seus trabalhos. Mas, se você é apenas um fã e usuário do serviço de streaming, também vale a pena conhecer mais sobre as regras utilizadas neste quesito. Ficou interessado? Então siga com a gente para descobrir como a contagem de streaming é feita no Spotify.

Como o Spotify calcula o número de streamings?

Em sua página destinada aos artistas que desejam ingressar na plataforma, o Spotify explica quais critérios são usados para calcular o número de streamings. Eles são:

  • Músicas ouvidas: são contadas apenas conteúdos ouvidos por 30 segundos ou mais. Portanto, se você clicou sem querer em uma faixa musical e interrompeu essa produção antes desse intervalo de tempo, você não contribuiu para a contagem dos artistas que produziram esse conteúdo.
  • Streamings no lançamento: todos os streamings desde o lançamento deste conteúdo são contados. Se uma mesma música for usada em múltiplos lançamentos, ela entra na contagem de reproduções de cada um deles.
  • Músicas baixadas: músicas que um usuário premium fez o download e ouviu offline no serviço de streaming também são contabilizadas quando o usuário se conecta novamente à internet – esse usuário precisa ficar online pelo menos uma vez a cada 30 dias para que suas reproduções sejam contabilizadas.
  • Produções com outros artistas: somente as músicas que o cantor ou banda conta como artista principal ou criador de remix nos créditos entram para a contagem de streaming desse artista ou grupo.

Como acompanhar a contagem de streamings?

Lançou uma nova música no Spotify e deseja ver se ela está fazendo sucesso na plataforma? O serviço de streaming oferece para os seus artistas um acompanhamento em tempo real da contagem de streamings nos sete primeiros dias de lançamento.

guaxinim brincando com um ábaco, representando a contagem de streamings feita pelo Spotify

A contagem é atualizada a cada dois segundos e você pode vê-la nas estatísticas de faixas disponíveis na versão web da plataforma ou acessando o seu aplicativo e clicando em “Início”. Após esse período de sete dias, o número de streamings será atualizado apenas uma vez a cada dia, às 17 horas do horário de Brasília.

Agora, se você deseja ver a quantidade de streamings que seu artista ou banda preferida possui, você pode acompanhar esse número em tempo real. Basta apenas acessar o perfil deste cantor ou grupo. Na tela inicial, serão exibidas as cinco faixas que mais estão fazendo sucesso no serviço de streaming, e embaixo do nome dessas canções estará o número de reproduções que elas tiveram na plataforma. Somente essas músicas terão a contagem de streamings disponíveis.

Quanto o Spotify paga por streaming?

O Spotify remunera os artistas que disponibilizam suas obras na plataforma com base em royalties. Porém, não existe um valor fixo para cada reprodução de uma faixa musical ou episódio de podcast.

O valor pago pode variar entre US$0,003 a US$0,008, com base em alguns fatores. Um deles é o tipo de conta que o usuário está usando quando escuta este conteúdo. Reproduções feitas por usuários premium remuneram mais os artistas. Além disso, outro fator que influencia no valor pago é se este conteúdo foi acessado de forma direta ou reproduzido numa playlist.

Pernalonga contando dinheiro

Portanto, se você lançar um grande hit que tenha 10 milhões de reproduções que se enquadrem na contagem de streaming, o Spotify irá pagar entre US$30.000 a US$80.000 pelos royalties desta música. Vale destacar que nem todo o montante pago pelo serviço de streaming vai diretamente para os artistas, visto que eles possuem contratos com gravadoras responsáveis por lançar esses conteúdos na plataforma.

Esperamos que tenha gostado deste artigo. Caso queira saber mais sobre o Spotify ou outros aplicativos e streamings, não deixe de dar uma passadinha no nosso blog. Temos dezenas de matérias incríveis lhe esperando. Clique aqui e não perca!

Fonte(s):

Remessa Online, Spotify (1), Spotify (2) e Spotify (3).

VOCÊ TAMBÈM PODE GOSTAR
mulher assistindo os lançamentos da Netflix e comendo pipoca

Confira os principais lançamentos da Netflix para agosto de 2022

210 imagens de frases para usar no status do WhatsApp

mulher segurando um smartphonee apontando para cima

Como descobrir se alguém tentou desbloquear seu celular? Veja 4 jeitos

bonequinho do Android em frente à uma tela cheia de códigos

Atualização corrige cinco falhas críticas no Android

notebook com ícones de informações pessoais e um ícone maior de cadeado

Como remover informações pessoais da Internet

mulher ouvindo música no Spotify com headphones

Como ouvir música juntos no Spotify

Inscreva-se na nossa

Newsletter