Como fazer lives no YouTube usando o Zoom no Android

Tem novidade para quem utiliza o aplicativo Zoom para fazer videoconferências no smartphone Android. O serviço acaba de ganhar um recurso de integração com o YouTube que permite que todas as reuniões sejam transmitidas em tempo real também na plataforma do Google.

A expectativa dos desenvolvedores é que essa ferramenta ajude a manter o app em evidência. Em razão da pandemia de coronavírus a procura por serviços de streaming cresceu de forma considerável em 2020.

Entre todas as plataformas do gênero disponíveis, o Zoom foi o grande destaque e a busca agora é pela implantação de funcionalidades que mantenham o software como a principal opção do segmento. Neste artigo, mostraremos como é possível desfrutar dessa integração.

Como fazer lives no YouTube usando o Zoom no Android

Antes de tudo, é preciso ficar atento a alguns pré-requisitos. A função de live streaming está disponível no Windows no Android. No caso da versão para celular, é importante que o seu smartphone esteja executando a versão 5.4.0.434 (ou superior) do aplicativo. Não se esqueça de checar a atualização do app antes de iniciar uma transmissão.

Ainda, vale lembrar que essa função está habilitada para usuários do Zoom com contas “Profissional”, “Corporativa”, “Educação” e “Empresarial”. Já no YouTube, certifique-se de que o seu canal é elegível para fazer lives no YouTube.

Passo 1. Acesse o site do Zoom e faça login na sua conta.

Passo 2. Nas “Configurações”, escolha “Gerenciamento de conta”. Depois, selecione “Configurações da conta”.

Passo 3. Em seguida, vá em “Em reunião (avançado)” e ative o recurso “Permitir transmissão ao vivo” via YouTube.

Passo 4. Depois, acesse o aplicativo do Zoom no smartphone e inicie uma reunião.

Passo 5. No menu inferior, toque sobre a opção “Transmitir para o YouTube”.

Pronto! A sincronização das contas será ativada. Serão pedidos os dados de login e senha do canal em questão para que haja permissão de acesso, mas logo em seguida você poderá iniciar a transmissão.

Fim da pandemia pode significar prejuízo para o serviço

Apesar de todos nós estarmos torcendo para que a pandemia de coronavírus termine, do ponto de vista dos investidores a volta da normalidade pode significar um grande prejuízo para o Zoom.

Assim como o aplicativo viu seu número de usuários aumentar nos últimos meses, o anúncio do sucesso da vacina contra a Covida-19 – atualmente em fase final de testes – fez com que as ações do Zoom caíssem 17%. O percentual é pequeno perto da valorização de 727% acumulada em 2020, mas ainda assim coloca a empresa em sinal de alerta.

Por essa razão, implantar novos recursos que permitam aos usuários continuarem vendo diversas utilidades no serviço mesmo depois que as empresas decidirem voltar aos escritórios é fundamental para manter a base de assinantes ativa. Serviços de streaming como a Netflix também esperam uma ligeira desvalorização e consequente queda no número de usuários com o fim da pandemia.

VOCÊ TAMBÈM PODE GOSTAR
Robôzinho fofo tirando foto com uma câmera antiga.

10 melhores aplicativos para editar fotos com inteligência artificial

Filme sendo exibido em uma TV que está espelhando um notebook.

Como espelhar notebook na TV?

Conceito de tecnologia e sustentabilidade da empresa Positivo com mãos segurando um planeta terra formado por circuitos eletrônicos.

Saiba como a Positivo alia tecnologia e sustentabilidade

Homem que trabalha com TI sentado diante de sua mesa com 3 monitores exibindo linhas de código de programação.

Como iniciar uma carreira em TI?

Homem e robô em uma cafeteria. O robô está mexendo no celular do homem para aumentar sua produtividade.

Como usar a IA para melhorar a produtividade?

Mulher assistindo os lançamentos da Netflix de junho de 2024 enquanto come pipoca.

Confira os principais lançamentos da Netflix para Junho de 2024

Inscreva-se na nossa

Newsletter


    Ao clicar em “enviar” a Positivo Tecnologia tratará os seus dados de acordo com a Política de Privacidade e Cookies.