Positivo do seu jeito

Positivo do seu jeito

Positivo do seu jeito

garota-feliz-estudando-com-fones-de-ouvido

7 dicas e ferramentas úteis para estudar online

A internet abriu um imenso leque de possibilidades quando o assunto é aprender novas habilidades e se aprimorar em qualquer tipo de conteúdo. Se antes era preciso frequentar escolas de idiomas, artesanato, culinária, maquiagem, fotografia e por aí vai, hoje podemos ter acesso a um número grande de aulas e cursos que podem ser feitos pelo celular, tablet ou computador. Para se destacar ainda mais, no entanto, é preciso conhecer algumas ferramentas e dicas para estudar online — e é sobre isso que falaremos hoje.

Existem vários sites que disponibilizam gratuitamente algumas opções para quem precisa ter mais produtividade e estudar de maneira mais eficiente, até porque, embora tenhamos mais acesso a conteúdos de estudo, as distrações são infinitamente maiores também.

Entre os serviços recomendados para quem estuda online, estão as plataformas do Google Acadêmico (para pesquisar artigos e outras publicações científicas), Forest (um app para ajudar a manter o foco), MindMeister (para criar mapas mentais) e Brainly (um tipo de fórum com perguntas e respostas). Saiba um pouco mais sobre elas e outras ferramentas a seguir:

Dicas para quem estuda online

1. Faça mapas mentais

garota-fazendo-mapa-mental

Mais acima, citamos a ferramenta MindMeister, que possibilita a criação de mapas mentais. O que você talvez ainda não saiba é a importância desse tipo de plataforma para estudar e assimilar diferentes tipos de conteúdo.

O mapa mental é uma espécie de diagrama, ou seja, uma representação visual do conteúdo estudado. Com ele, você consegue criar relações de hierarquia entre os tópicos e conceitos mais importantes e, a partir daí, organizar os conteúdos mentalmente.

Outras ferramentas que ajudam você a criar mapas mentais são: Coggle, GoConqr e Gliffy. Embora tenham diferenças básicas entre si, a proposta de todos é a mesma: permitir que o estudante crie tópicos e estabeleça ligações entre os assuntos principais e suas vertentes, resultando em uma espécie de resumo visual do conteúdo que foi estudado. 

2. Crie flashcards que ajudem a memorizar o que foi estudado

Às vezes é preciso memorizar diversos conteúdos ao mesmo tempo, como no caso de quem está estudando para o Enem ou outro tipo de concurso. Nesses casos, é interessante usar métodos mais práticos de memorização, como os flashcards, que são cartões com questões ou palavras-chave de um lado e definições ou respostas do outro.

Essa técnica ajuda a memorizar os assuntos e é ótima para quem precisa decorar nomenclaturas, datas, siglas e termos específicos para fazer uma prova. O GoConqr. é um site que também disponibiliza esse serviço gratuitamente, aliado à construção do mapa mental. 

O usuário pode criar seus mapas e, ao mesmo tempo, construir flashcards com as perguntas ou palavras-chave de um lado e as respostas ou conceitos de outro. É bastante intuitivo e vale a pena.

3. Teste seu aprendizado em sites de respostas

Lembra que indicamos o Brainly no início do texto? Esse site é muito bacana para quem estuda online justamente para que a pessoa possa testar seus conhecimentos através de perguntas e respostas sobre o tema estudado.

É uma ótima pedida para quem estuda para concursos, vestibular e Enem. No Brainly, além de fazer as perguntas, é possível encontrar outros testes e seus gabaritos, possibilitando que o estudante identifique seus erros e entenda em quais aspectos tem mais dificuldade.

Existem duas outras plataformas interessantes e com a mesma proposta: O Questões Enem é ideal para quem está se preparando para o Exame Nacional do Ensino Médio, e o Qconcursos ajuda quem estuda para concursos públicos em diversas áreas de atuação.

4. Instale extensões em seu navegador para não perder o foco

garoto-estudando-muito-focado

A internet é uma fonte infinita de distrações, por isso é preciso estipular períodos de estudo com mais tempo de foco. Nesse sentido, algumas extensões podem ser instaladas em seu navegador, ajudando você a não cair na tentação de checar as redes sociais ou ouvir aqueles áudios no WhatsApp.

O Forest é um desses programas que podem ser instalados no seu celular ou no computador e ajudam você a manter o foco. A ferramenta permite que você estabeleça períodos de tempo para foco total, bloqueie sites que causam distrações e, inclusive, seja recompensado quando bater suas metas.

Uma extensão que também é muito eficaz em termos de evitar distrações é o Todoist, que permite ao usuário criar listas de tarefas, organizar as leituras e visualizar as tarefas do dia de forma mais rápida e prática.

5. Pesquise publicações científicas do jeito certo

Existe muito conteúdo bacana na internet, mas também é fácil acessar textos e artigos pseudocientíficos e que podem prejudicar seu aprendizado. Para encontrar artigos e publicações científicas que sejam de qualidade, recomendamos o Google Acadêmico, um espaço voltado para universitários e pesquisadores que precisam de materiais mais bem fundamentados e de pesquisas de relevância.

Usando essa plataforma, você consegue filtrar sua pesquisa por data, idioma e relevância. Se quiser, é possível agilizar a localização de publicações salvando seus artigos favoritos na seção “Minha biblioteca”. 

Você também pode encontrar publicações científicas no site de periódicos da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) e na plataforma da SciELO

6. Faça anotações na nuvem

Plataformas como o Google Docs e o Evernote permitem que o estudante anote os conteúdos vistos em aula e salve essas anotações na nuvem. Dessa forma, será possível estudar quando e onde você estiver, bastando apenas acessar a sua conta.

Nessas ferramentas, você também pode criar pastas e organizar suas anotações com base nos tópicos principais, nas datas das aulas e nas categorias que você quiser criar.

7. Use ferramentas de organização de projetos

Algumas plataformas foram desenvolvidas especificamente para que você possa organizar seus projetos e acompanhar o passo a passo de cada etapa. O Trello é um ótimo exemplo de ferramenta que acompanha a evolução de cada processo, permitindo que o usuário crie quadros, estabeleça prazos e acompanhe o andamento das suas atividades.

Viu só como é possível organizar melhor seus estudos online? Agora é só escolher quais dessas ferramentas podem ajudar no seu processo de aprendizagem, organização e memorização e botar a mão na massa!

Se você curtiu esse conteúdo e quer conferir mais dicas a respeito de assuntos variados, como educação, tecnologia e entretenimento, confira nosso blog! Atualizamos nossos posts frequentemente para que você encontre os melhores conteúdos por aqui.

VOCÊ TAMBÈM PODE GOSTAR
mapa-da-china-antigo

Calças mais velhas do mundo têm 3 mil anos

foto-do-sol-em-altissima-qualidade-divulgada-pela-ESA

Agência Espacial Europeia divulga foto do Sol em altíssima qualidade

logotipo-3d-do-instagram-em-fundo-roxo

Instagram: 4 apps para baixar vídeos da rede social

mulher-apresentando-slide

4 sites e serviços para fazer slides online

familia-assistindo-lancamentos-da-netflix

Veja os principais lançamentos da Netflix para maio de 2022

mulher-escondendo-fotos-e-videos-com-senha-no-celular

4 apps para ocultar fotos e vídeos no celular

Inscreva-se na nossa

Newsletter