Satélites em órbita ao redor da Terra.

Primeiros satélites que fornecem rede a celulares são lançados pela Starlink

A Starlink, subsidiária da SpaceX cujo dono é o bilionário Elon Musk, deu um grande passo em direção ao fornecimento de rede móvel para celulares via satélites. No último lançamento realizado pela SpaceX, 21 satélites foram enviados à órbita da Terra, dos quais seis são compatíveis com a rede 4G (LTE).

Satélites orbitando a Terra.

Esses satélites fazem parte do futuro serviço de comunicação via satélite da Starlink, chamado Direct to Cell, que promete ampliar a cobertura de rede, eliminando as chamadas zonas mortas, sem exigir alterações nos smartphones dos usuários. Por enquanto, basta ser cliente de uma operadora parceira.

Como funciona o serviço Direct to Cell da Starlink

O Direct to Cell da Starlink utiliza satélites compatíveis com a rede 4G (LTE) para fornecer cobertura de rede diretamente aos celulares. O que é muito bem-vindo a países como o Brasil, onde temos um território extenso e muitas pessoas convivendo em zonas rurais.

Funcionamento técnico da Starlink para smartphones

  • Lançamento de satélites: a Starlink lançou 21 satélites, dos quais seis são especificamente projetados para suportar a rede 4G, permitindo comunicação direta com os celulares.
  • Tecnologia de comunicação via satélite: ao contrário da internet doméstica da Starlink que requer uma antena receptora, o Direct to Cell comunica-se diretamente com os celulares, sem a necessidade de equipamento adicional.
  • Parcerias com operadoras: o serviço é disponibilizado por meio de parcerias com operadoras de telefonia móvel, que integram a rede satelital da Starlink às suas redes existentes.

Operadoras parceiras e expansão global

O lançamento do Direct to Cell conta com a colaboração de várias operadoras de telefonia móvel ao redor do mundo, garantindo que os usuários possam se beneficiar da ampla cobertura sem alterações em seus dispositivos.

Operadoras confirmadas até agora:

  • T-Mobile (Estados Unidos): parceira inicial e chave no desenvolvimento do serviço;
  • Optus (Austrália);
  • Rogers (Canadá);
  • One NZ (Nova Zelândia);
  • KDDI (Japão);
  • Salt (Suíça);
  • Entel (Chile).

Essas parcerias indicam que a Starlink busca expandir a cobertura de rede móvel globalmente, começando com esses mercados. A empresa também planeja lançar a capacidade de enviar mensagens de texto via satélite já em 2024, com expectativas de expandir para navegação e chamadas de voz posteriormente, além de conectar dispositivos IoT em 2025.

Previsão para o Brasil

Embora detalhes específicos sobre a disponibilidade do serviço Direct to Cell no Brasil não tenham sido divulgados, a expansão da infraestrutura da Starlink e o lançamento de uma nova seção em seu site oficial sugerem que planos para incluir o Brasil podem estar em andamento. A comunidade brasileira deve ficar atenta a anúncios futuros para mais informações.

Para referência, os preços do serviço de internet de alta velocidade da Starlink no Brasil variam entre R$ 236 e R$ 838, além de um custo adicional de R$ 2.000 para os equipamentos. Valores que podem dar uma perspectiva quando anunciarem as operadoras nacionais que usarão a tecnologia.

Continue acompanhando o blog Positivo Do Seu Jeito para ficar por dentro das tecnologias que vão sacudir o mundo digital!

VOCÊ TAMBÈM PODE GOSTAR
Mulher deitada no sofá assistindo os lançamentos da Netflix em seu tablet.

Confira os principais lançamentos da Netflix para Abril de 2024

Imagem em 3D de uma mulher em pé utilizando novas tecnologias de realidade aumentada para trabalhar.

Como as tecnologias emergentes impactam o mercado

Robô desenhando fazendo alusão à criação de imagens por meio de Inteligência Artificial.

Guia prático para criar imagens no ChatGPT

Garota sorrindo e piscando um olho enquanto aponta para a câmera de um jeito divertido, como quem está dando uma dica.

6 extensões úteis para usar no Google Drive

Bateria carregada em 3D.

Indicador de saúde da bateria pode chegar ao Android

Mulher contando segredo sobre os mitos da tecnolgia que todo mundo já caiu.

6 mitos sobre tecnologia que muita gente já caiu

Inscreva-se na nossa

Newsletter


    Ao clicar em “enviar” a Positivo Tecnologia tratará os seus dados de acordo com a Política de Privacidade e Cookies.